Welcome to Sånn, a ready-made solution for showcasing your body of work in a truly captivating manner! It’s exactly what your projects have been waiting for all this time!

pesquisar

Sim acredito…

No meu dia-a-dia, deparo-me com situações assaz caricatas ou que me causam uma elevada estranheza. Chego a pensar que talvez seja uma espécie de alienígena…

Ora vejamos, e cingindo-me aos nossos 92000 km2, sem pretensão de generalização:

– Certos pais abdicam do seu papel em prol do facilitarismo,

– A maioria da população escolar continua desmotivada (professores, alunos, funcionários),

– Nalgumas empresas, os colegas de trabalho andam de costas voltadas por causa de assuntos que nem sequer merecem tempo de antena,

– Na rua, nos transportes, as pessoas escolhem não ver situações para assim não agirem…

Todas têm vários pontos em comum, como por exemplo: falta de respeito por si e pelo próximo, deturpação ou inversão de valores, necessidade de exprimir as suas frustrações de forma agressiva, recusa de mudança e evolução…

Enfim, a nossa sociedade anda silenciosamente doente apesar de parecer feliz. Haja os novos 3 FFF para animar, mas até quando?

Não pretendo agoirar, mas sim levar a uma reflexão com o intuito de contribuir para uma tomada de consciência que possa ser uma base evolutiva. Para isso, a labuta deveria começar em cada um de nós colocando amor em cada momento.

Quem já ouviu falar ou leu o Alquimista de Paulo Coelho e do seu herói Santiago?

Uma bela e simples reflexão filosófica sobre o sentido que damos à vida…

Assim, lanço aqui o desafio:

7 passos para escreveres a tua lenda pessoal

1 – Ninguém pode fugir do seu coração, por isso talvez seja bom ouvi-lo!

Inicia a tua jornada com uma paragem para te ouvires em silêncio. Qual é o teu sonho? O que gostarias de fazer? Nada é irrealista ou utópico, tudo tem uma razão de ser. O que significa esse sonho para ti? Faz uma lista de todas as palavras que surgem ao pensamento. Qual é o impacto em ti?

2 – Nada te impede, a não ser tu próprio!

Questiona-te: se eu realizasse este sonho, em que medida é que a minha vida seria diferente? qual é a mensagem que pretendo transmitir como legado? e se eu nada fizer?

Imagina-te a concretizar esse sonho, como te sentes? que diferenças observas em relação à tua situação actual?

3 – Quando temos grandes tesouros debaixo dos nossos olhos, nem os vemos. Sabes porquê? Porque os Homens não acreditam em tesouros!

Quando somos crianças, sonhamos muito e à medida que crescemos, abandonamos estes sonhos por diversas razões.

Fecha os olhos, e mergulha na tua criança interior. Esses sonhos, mesmo que te pereçam absurdos ou irreais, são a tua fonte, o teu espelho. Que dizem de ti?

4 – Temem realizar os seus maiores sonhos, porque pensam não merecer a felicidade ou recear alcançá-la!

O que te impede de realizar o teu sonho? O que te trava? Que receias? Observa sem julgar ou stereotipar, acredita nos teus sonhos e acredita em TI ! Já tens alguma experiência de vida, tens alguma maturidade, então permite-te viver a vida que desejas.

5 – Existe apenas uma forma de aprender: agir!

Sonhar é bom. Realizar os sonhos é ainda melhor. Define um plano de acção. O que podes mudar no teu dia-a-dia para te aproximares cada vez mais do teu sonho?

6 – Quando algo evolui, tudo à volta evolui!

Aceita as adversidades com paciência e resiliência. Nutre, diariamente e com amor, as acções que te levarão à realização do(s) teu(s) sonho(s). Compete-te a TI caminhar e imprimir cada passo, celebrando humildemente e com gratidão, cada conquista. Se mudas o teu presente, o teu futuro poderá ser melhor.

7 – Quando queremos algo, todo o Universo conspira em nosso favor para que possamos alcançar o que tanto desejamos!

Acredita no(s) teu(s) sonho(s), acredita em TI. Quando decides avançar, és imparável e, tudo à tua volta se conjuga para alcançares o sucesso! Rodeia-te das pessoas certas!

Se cada Ser se reencontrar, acredito que se sentirá mais feliz. Assim, respeitar-se-á e consequentemente irá respeitar e aceitar o próximo na sua verdadeira essência.

Eu não vou desistir de mim, nem de contribuir para um Mundo melhor.

E tu?

Deixe um comentário

X